CEOQ

Central de Agendamento / Marcação:
Tel: (77)3262-3100 / Whatsapp (77) 98102-6620


ceoq@ceoq.com.br

Notícias

Olho Seco

19 de Agosto 2021
Dra Tatiana Queiroz fala sobre o Olho Seco, sintomas, causas e tratamentos.

Você já ouviu falar em "olho seco"?  Essa doença tem aparecido de maneira mais recorrente nos últimos anos, e isso tem a ver com os nossos novos hábitos. Seus olhos estão com a sensação de areia, embaçados, ardendo ou vermelhos? Fique atento!

Para saber mais sobre o problema e como tratá-lo, vem ver o que a nossa especialista, Dr.ª Tatiana Queiroz trouxe nessa entrevista.

 

O que é a síndrome do olho seco?

A síndrome do olho seco é uma doença multifatorial que vem aumentando a cada dia no mundo inteiro e ela ocorre devido a uma lubrificação inadequada da superfície ocular ou por falta de lágrima ou por uma qualidade ruim da lágrima.

 

Quais são as causas  desta síndrome?

As causas da síndrome do olho seco são: uso exagerado de ar condicionado, poluição, uso excessivo e inadequado de telas de computador, celular e tablets, doenças neurológicas, doenças reumatológicas, algumas medicações sistêmicas, menopausa e alterações palpebrais.

 

Quais são os sintomas?

Sensação de areia nos olhos, embaçamento visual, ardência, vermelhidão ocular e intolerância as lentes de contato.

 

Quais são os tratamentos adequados?

Colírios lubrificantes e a depender do nível, grau e do tipo de olho seco, faz-se necessário o uso de colírios anti-inflamatórios, em alguns casos o uso de plugs, novas tecnologias como laser e também em casos de olho seco severo por falta de lágrimas, recorrer a uma intervenção cirúrgica.

 

Existe cura?

Não. O olho seco é uma doença crônica que precisa ser tratada continuamente e ser avaliada pelo médico oftalmologista com frequência.

 

O olho seco atinge mais qual perfil de pessoas?

Prevalência maior em mulheres (1,7% maior), pode acontecer em qualquer idade, porém é mais comum em pacientes mais idosos e não é genético. Vale ressaltar que neste momento que estamos vivendo, com o uso exagerado de computadores e celulares, tem aumentado muito a incidência desta doença, devido a grande exposição ao uso desses aparelhos eletrônicos.

 

Dra. Tatiana Nascimento Queiroz - CRM-BA: 15.478 -  Especialista em Cirurgia Refrativa, Córnea, Lente de Contato.